A matemática é para todos!

150 150 Matemática em Movimento

Geralmente levada como a maior vilã das boas notas no período escolar, a matemática é quase que um tabu para a maioria das pessoas, chegando a gerar a dúvida: será que a matemática é realmente para todos?

Foto: Portal G1

  Guilherme Nascimento, Fabíola Loterio e Igor Patrício, três dos medalhistas nas Olimpíadas Brasileiras de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) dizem que sim, ela é para todos, e dão dicas sobre como resolver os mais diversos problemas dessa disciplina. “A gente encontra a matemática em lugares que não são esperados”, afirma Igor, mostrando que a matemática não é um mundo distante e que está presente até mesmo nas receitas que fazemos.

Às vezes a dificuldade vista na matemática não está especificamente no problema a ser abordado, mas sim em como ele é tratado.
“O segredo está em dividir os problemas em problemas mais básicos.” Concorda Guilherme, que tem métodos alternativos até mesmo para fazer a tabuada do 9!

Fabíola, por sua vez, tenta explicar o porquê da matemática ser vista como coisa de outro mundo: “a matemática é construtiva, ela é uma coisa que você sempre depende do que viu antes para continuar”. E ainda completa: “mas essa é a parte mais bonita: quando você entende o que está fazendo e passa a fazer sentido”.

E você, caro leitor, está pronto para encarar a matemática e ver a beleza que ela pode oferecer?

FAÇA PARTE DO MM

Horário:
09:00 – 13:00
Quando:
Aos sábados
Unidade Zona Sul: ETEC Zona Sul
R. Frederico Grotte, 322 – Jd. Vergueiro, São Paulo – SP

Unidade Zona Oeste: EMEF Desembargador Amorim Lima
 R. Prof. Vicente Peixoto, 50 – Vila Gomes, São Paulo – SP
Email:
contato@matematicaemmovimento.com.br